Camila Marta Rosa, mulher e mãe, é atriz formada pela Puc e pelo CEFART, cantora, bailarina, compositora e escritora. Autora do projeto de poesias Garotas Boazinhas Não Falam Palavrão, escritora do livro Poesias de Gertrudes. Todas as poesias com o palavrão e conceitos e críticas sobre como o palavrão afeta a vida da mulher.

Camila rosa

trecho da obra "poesia de gertrudes"

poesia de gertrudes

Um agrupado de poesias de vários tópicos, do político ao sentimental.

Camila (1).png

gertrudes

Mangas até os cotovelos
Barras acima dos joelhos


Guerreira da zona
Gostava de vestir
Vestidos belos
Assim como ela


Lilás
Roxo
Bonina
Vermelho
Vermelho Escarlate
Para as mais obscenas tardes


Ganhava as mais absurdas nomenclaturas
Dos ouvintes assíduos
Dos seus veementes diálogos matutinos no transporte público


Guerreira ver mente
Da zona cotidiana
Tradicionalista
E conservadora
Não abria a mão de ajudar
Como podia
Quem ela achava que deveria e merecia

Mulher como ela
Aprendeu a mazela
Na sofrida vida interna

Mulher como ela
Foi encontrada
Sem vida


Mulher como ela
Foi encontrada
Em outras vidas

 

Mulher como ela
Já não fala
Mas deveria


Mulher


Mulher como ela
Bruxa
Mística

Quem sabe sua gíria
Não muda a visão
Não muda a compreensão
Ou então
Faz pensar alguns requintes de consciência
Não apenas um empate com a razão
Talvez um vislumbre de culpabilidade
Pode ser pensar com honestidade

Mas não
É feitiço só pode

Gertrudes com seus decotes
Bordados
Cinturados
E bem definidos

Uma flor prendendo seu coque
Ao topo da cabeça


Quem diria que tal mulher
Proferiria alguma coisa
Que feriria alguém


Parasse para pensar
Não veria em desabafo
Magia negra

  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco

A DANÇA E A PERFORMANCE COMO LINGUAGEM E ESTÉTICA

Captura de ecrã 2021-12-15 105842.png

Consiste em poesias parte cantadas e parte recitadas, iniciou como poesias recitadas no SLAM, o SLAM é um lugar onde as pessoas vão com suas poesias (muitas de cunho político) e competem entre si, ele acontecia antes da pandemia em lugares diversos de BH e tinha uma grande variedade de pessoas, de estilos e culturas. Já o Garotas Boazinhas em si é voltado para as mulheres e suas experiências pessoais, tendo como linguagem em comum a relação com o palavrão durante toda a vida e como ele é taxativo para a gente. Então esse projeto é sobre o feminino e o feminismo e a forma como o palavrão se manifesta nas nossas vidas e no nosso corpo. É um projeto em fase inicial e a ideia ao divulga ló é trazer novas artistas para o projeto, incitando os nichos culturais de BH a dialogarem mais e perceberem a semelhança e a individualidade em um todo. 

Conhecendo divergências ensinamos a ignorância. 

Durante minha vida artística eu pude perceber que os nichos culturais de BH se atravessam pouco e por vezes não se apercebem da riqueza das coisas a sua volta. A ideia futuramente é fazer um convite a artistas de diferentes bagagens, de diversos tipos de artes, somente mulheres trans e cis para participar, para descobrirmos juntas a forma como o palavrão se manifesta na nossa mente, vida, corpo e em conjunto definir essas funções, essas multiplicidades e manifesta lás de alguma forma. Hoje em dia o projeto conta com onze poesias da autoria de Camila Marta Rosa, Nomeadas Prostituta, Merda, Porra, Machão, Puta, Pentelho, Foda-se, Caralho, Cabaço, Teta, Egoísmo.

garotas boazinhas não falam palavrão

trecho da obra Caveirinhas de "poesia de gertrudes"

  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco