Segura, porque a culpa é sua!

30 de junho

“Ah, o presidente não tinha como saber tudo o que acontecia em cada ministério…” Ué? Mas não era ele que brigava para não abrir mão do seu poder de tomar todas as decisões do governo? Não foi ele que demitiu dois ministros da saúde que tomaram decisões distintas da dele? Não foi ele quem escolheu um ministro da “dessaúde”, sem formação na área, apenas porque era o único que acatava as suas decisões? Lembra do “Um manda, o outro obedece!”?

“Mas o presidente não tem tempo para controlar tudo…” Bem… Talvez se o presidente não passasse tanto tempo no Twitter (é um viciado digital o nosso presidente!), talvez se gastasse menos tempo em motociatas criminosas, talvez se não fizesse aquelas lives diárias para falar bobagens em rede mundial, talvez se não saísse por aí sem máscara abraçando seguidores e desmascarando crianças, talvez - pelo menos - se não desse uma paradinha todo dia no curralzinho (ô nome propício) para fazer gracinhas com os seus fiéis, ele pudesse finalmente trabalhar mais na sua função primordial! Afinal, ser presidente é fundamentalmente acompanhar o funcionamento dos ministérios.

“Ah, mas o presidente não é nem seria beneficiado pessoalmente pelas propinas nas vacinas…” Será que não? Já foi calculado que a família Bolsonaro não tem como explicar o padrão de vida e o patrimônio que tem, pelos rendimentos recebidos ao longo de toda a vida (não ganharam nada que não fossem proventos públicos). Lembra da mansão do Flávio em Brasília, das dezenas de imóveis dos irmãos? Mas veja bem… mesmo que Jair não receba parte das propinas, ainda assim ele tem a vantagem política de permitir a propina. Segurar-se no poder com o apoio de corruptos também é corrupção.

“Mas vocês querem colocar a culpa de tudo no nosso presidente…” Olha, ele foi eleito dizendo que não entendia de nada (uma das poucas verdades que disse na campanha), que só entendia de tiro, mas garantiu que escolheria um ministério de primeiro time. Escolheu um ministro da educação que não entendia de educação, um ministro do meio ambiente que gosta de desmatar, um ministro da fazenda que parou de estudar economia e, no ministério da saúde, onde ele quase acertou duas vezes, fez mudanças que negaram a ciência e permitiram a corrupção. Mas diante de tudo isso ele está tranquilo, sabe por quê? porque nomeou um PGR que o apoia e garantiu a eleição de um presidente da câmara que o protege. Então, amigo, se ele não tem culpa de tudo isso… segura, porque a culpa é sua!


Marcelo Brandão Mattos

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

“Eu tô com medo. Fazia tempo que eu não tinha esse sentimento. Porque eu sinto que o Brasil nessa eleição corre o risco de perder toda a estabilidade que já foi conquistada.” são palavras de Regina Du

5 de setembro de 2020 OS OLHOS CONDENAM, MAS A LUTA ABSOLVE Quem quiser explicar a um amigo o que é “racismo estrutural” (pense naquele amigo teimoso, que acha que o discurso da luta racial no Brasil

Para, Robinho! Até um atacante veloz tem que saber a hora de parar, ser menos impulsivo com as palavras e, claro, com o corpo. Ouça o que as pessoas têm a dizer, sem antes se achar perseguido. Sabe aq